Aniversariante do dia: Rakky, uma das diretoras de “ondulante cabeleira”

Sei que faz tempo que a gente não faz um post de aniversário de fãs né? Vamos retomar? VAAAAAMMMOOOOSSSS!!

E como hoje é meu aniversário, resolvi retomar com tudo falando de mim, yeah!  (ai que estranho isso!)

Rakky Skank

Pois bem, eu sou a Rakky, uma das três diretoras Skankaradas “de ondulante cabeleira” e estou no fã-clube desde o primeiro papo no MSN (antigo né? uhauhahu) quando a ideia veio à tona, em 2008.

O problema é que eu sou fã de Skank desde MUITO ANTES disso!

Minha primeira interação com o Skank foi em 1994, quando meu irmão cantava pra mim “vaca, cadela, macaca, gazela”. Não posso dizer que era legal ser uma criança de 6 anos zuada pelo irmão assim, mas isso me fez ouvir o Calango inteiro tentando achar uma zoação suficiente para ele. Não achei, mas apaixonei por Sam.

Rakky Skank

4/8/2008 - A primeira vez falando com eles... e a Rê tava lá comigo! ♥

Aí esqueci. Voltei a ver Skank em meados de 1998, 2000, lá naquela fase “Maquinarama / Ao Vivo”. Balada do Amor Inabalável me pegou de cheio, mas foi nessa época que eu conheci Indignação e O Homem Que Sabia D+, aí ferrou tudo. Comecei a procurar informações e a cada nova música que ouvia me apaixonava mais… Entrei pra lista do Yahoo! com informações da banda, fiz cadastro no site, ficava sabendo de tudo. Skank virou minha banda favorita e eu me sentia excluída na escola, porque ninguém gostava tanto assim deles… aí entrava na Internet  e via os e-mails da Ísis, do O Napa, do DiNiZ, da lista Oficial-Skank, das “Meninas Super Poderosas” da comunidade no Orkut… tudo isso me fazia sentir menos excluída no mundo e gostar ainda mais da banda, que me fez fazer grandes amigos…

Só em 2008 (isso mesmo, quase 10 anos depois de a minha paixão pela banda começar!) foi que consegui falar com eles pessoalmente. Dois anos antes eu fui ao meu primeiro show dos caras, e para fazer matéria de cobertura! (sou jornalista, não podia dar uma de louca lá né? uhauhahua). Nem preciso dizer que 4 de outubro de 2008 foi um dos dias mais felizes da minha vida…

Trindade Skankarada

Trindade Skankarada - não tem como explicar, só nós três é que entendemos mesmo... huauhahua

Tenho uma ligação forte com a banda que não sei explicar. Cada show é único, cada momento de ouvir aquele música antiga que faz tempo que não aparece é especial, cada amigo meu que não me vê faz tempo, ouve uma música do Skank e me liga… Rakky é um apelido criado para mim pela minha melhor amiga do colégio e se escreve com dois “K” porque Skank tem dois “K”… Rakky Skank foi meu login por anos e anos e eu só mudei porque minha profissão exigia coisa mais séria e menos parcial (que pena!).

Noites de Um Verão Qualquer

No Mineirão, Noites de Um Verão Qualquer teve um "uh-ub-uh-uh" ensaiado e com mãozinhas! ♥

Mas falando de mim fora das loucuras Skankaradas, sou jornalista, moro em São Paulo, trabalho num banco, escrevo para um site de música e sou louca, apaixonada, desesperada por tudo o que tem a ver com música de qualidade! Gosto de fazer tudo com música e isso me fez ter várias experiências muito legais e aprender muita coisa bacana. Sou ariana e apesar de não acreditar tanto assim nessas coisas, acho que sou bem típica. Pra mim “não existe megabyte pra uma vontade”. Também gosto muito de escrever (por isso tenho a profissão que tenho né?) e de fazer as coisas aqui para o FC. Aliás, o Fã-Clube e os amigos de verdade que fiz por causa dele já me salvou de uma grande crise, num momento em que eu tinha que me apegar a algo para não enlouquecer… Devo muito a esse FC e a essa turma e é por isso que eu amo muito tudo isso aqui!

Minha música favorita do Skank? Notícia né gente??? hauhauahu

Acho que deu para resumir um pouquinho de quem soy jo!

Parabéns pra miiiiiiiiiiimmmmmmmmmm, aêeeeeeeee!!!

Beijos e abraços da Rakky

Abril 12, 2012

Etiquetas:,
  • Demorei pra conseguir vir aqui ler, mas a espera valeu a pena! (mesmo ardendo sem me aquecer, hauahauhauha)
    Como eu te disse, você merece só coisas lindas, vc é muito especial!
    E que a Trindade continue firme e forte, pq vocês foram as melhores “coisas” que o Skank me trouxe!
    Beijos, flor!!

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *